Aprenda quais as causas de irritação nas axilas e como prevenir

Aprenda quais as causas de irritação nas axilas e como prevenir

  • 1
    Pele ressecada

    A pele das axilas é bastante delicada e, sem a hidratação necessária, fica seca e áspera. Nesses casos, uma boa indicação é usar os desodorantes hidratantes Dove, que contam com uma fórmula exclusiva com ¼ de creme hidratante, além de serem enriquecidos com óleo protetor na versão aerossol, que vão deixar a pele das suas axilas macia e saudável.

  • 2
    Depilação com lâmina

    Você não precisa deixar de se depilar com lâmina se notar sinais de irritação na pele: apenas certifique-se de diminuir ao máximo o atrito excessivo, substituindo as lâminas usadas por novas e aplicando um creme na hora de depilar. Assim, a lâmina desliza mais suavemente pela pele.

    Por último, independentemente do método de depilação escolhido, sempre hidrate bem a pele das axilas depois de depilá-la seguindo as recomendações do método utilizado. Um desodorante hidratante, por exemplo, ajuda bastante a evitar irritações e coceira após a depilação.

  • 3
    Suor excessivo

    Quando transpiramos em excesso, a umidade se acumula na região das axilas. Combinada ao atrito da pele, pode causar inflamações como a dermatite, que causa vermelhidão e aparecimento de bolinhas na pele, resultando em coceira e ardência.

    Para quem sofre com a sudorese é fundamental evitar a repetição de blusas e camisetas. Também não se deve tentar camuflar o suor com o uso abundante de desodorante. Nesse caso, o ideal é buscar orientação médica.

    Para evitar a transpiração em excesso e não ser vítima desse incômodo diário, procure estar sempre em dia com o uso de um antitranspirante eficaz. A linha Dove Clinical, nas versões Dove Clinical Original Clean e Dove Men+Care Clinical, é recomendada por possuir 3 vezes mais potência que um antitranspirante comum e oferecer 96 horas de proteção contra o suor.

  • 4
    Alergia a produtos de lavanderia

    Muitos casos de pele sensibilizada têm relação com certos componentes da fórmula de produtos que usamos no dia a dia, que, em contato com a pele, causam reações alérgicas. Observe a composição dos produtos de lavar a roupa, como detergentes e amaciantes, para identificar se esse é o seu caso. Também procure notar se outras regiões da pele também apresentam sinais de alergia, como no pescoço e nos braços. Se você identificar esses sintomas, o ideal é mudar o produto utilizado, buscando versões hipoalergênicas e sem perfume.

  • 5
    Sensibilidade a componentes do desodorante

    Assim como produtos de lavanderia, alguns componentes comuns em antitranspirantes, como o álcool e algumas fragrâncias, também podem desencadear alergias na pele de algumas pessoas.

    Se você notar que a vermelhidão e a coceira ocorrem logo após a aplicação de um desodorante, busque orientação médica. Além disso, você pode encontrar alternativas mais gentis para a sua pele, como Dove Sensitive e Dove Men+Care Sem Perfume – que não possuem álcool etílico ou fragrâncias na sua fórmula, e são dermatologicamente testados, assim como todos os nossos antitranspirantes.

    Se você tentou as sugestões acima e a sua pele continua com aspecto irritadiço e provocando incômodos, procure um médico dermatologista para identificar qual a possível causa e o melhor tratamento. Para aliviar os sintomas e acalmar a pele, faça compressas de água gelada em contato com a região afetada.

Nossos produtos recomendados

		
		
		
			
		
		
		
			

also see